Blog do Tas

Saiu o teste de DNA do “Rei do Camarote”

04 de novembro de 2013, 14:59

Escrito por marcelotas

Montagem: O Joel

 

O pessoal do Procure Saber tem razão: tem que censurar mesmo esse pessoal da Internet que, ao invés de deixar os coxinhas serem coxinhas em paz, fica entrando na intimidade deles!

Ô raça dos inferno

 

..::..

 

Saiba mais 1: conheça o “Rei do Camarote”, o empresário Alexander de Almeida, na reportagem da revista Veja SP da semana.

Saiba mais 2: conheça outros memes criados para comentar o rapaz na página “Agrega Valor Ao Camarote”. Agrega aí, meu!

 

“Rei do Camarote” na Vejinha SP (Foto: Fernando Moraes)

 

Meme publicado na página “Agrega Valor Ao Camarote”

 

  1. A pior parte dessa história do Rei do Camarote é que a VEJA conseguiu exatamente o que queria, porque durante semanas só se perdeu tempo falando disso e ninguém mais se lembrou dos fiscais do Kassab que foram pra cadeia naquela mesma semana…

  2. Chega-se facilmente, através da simples observação do vídeo, à irrefutável conclusão que é impossível encontrar sequer um traço de testosterona na estrutura química do autoproclamado “Rei do Camarote” (doravante, neste post, abreviado como “RC”). Daí a pecha, precedida da alusão a um conhecido cervídeo, de “viajandão”, mentiroso, instantaneamente atribuída a ele após a publicação do inesperado diálogo: RC -”Já transei com mulheres na balada.”; Repórter – “Onde???”; RC – “No banheiro!”. Saibam, porém, que RC não só fala a verdade como também revela-se possuidor de um cavalheirismo (sim, concordo que, dado o contexto, o termo soa estranho), uma hombridade (sim, de novo) e uma decência louváveis para com o sexo feminino – embasarei isto logo adiante. A fama de cascateiro imposta injustamente a ele é simplesmente fruto da ambiguidade do Português. Observem. Sim, RC já farreou – 1(UMA) VEZ! – numa balada onde havia… mulheres!!! A prova do histórico feito – que certamente exigiu dele um esforço hercúleo – está registrada no vídeo. Uma façanha comemorada com o espocar de uma safra inteira do melhor champanhe da casa. Tudo gravado, o que corrobora outra impressionante declaração sua, “…numa noite…, 70 mil!”. Nota-se, também, que RC procura manter uma distância cautelosa das representantes do gênero oposto, missão esta confiada a seus seguranças e que justifica a existência desses (“…minha integridade física…”). Então – a coisa começa a se esclarecer -, a verossimílima e duplamente interpretável primeira frase de RC significa, na realidade, “Já transei numa balada onde havia mulheres presentes”. Comparem com a transcrição literal da fala, lá atrás. Seguem o incrédulo “Onde???” – ou seja, “Onde as mulheres estavam, todas, no momento em que você perpetrava o indecoroso ato?” – e o esclarecedor “No banheiro!”. Natural. Simples. Manobra inteligente e adequada. Para preservar aquelas pudibundas embaixadoras do sexo frágil da exposição a espetáculo tão constrangedor – não, fuxiqueiros, não foi para evitar a concorrência -, ordenou a seus guarda-costas que as trancafiassem no indispensável cômodo da boêmia. A dica para a soltura, dizem, era, muito apropriadamente, o final do hit “I Will Survive”, fundo musical para a performance erótica levada a cabo no centro da pista bombardeada por canhões-de-laser. Quanto à identidade do coadjuvante, as informações são imprecisas. Uns afirmam ser o negão, ao qual RC dedica indisfarçada atenção; outros, apontam Edu, do Pânico, que parece executar os ditos, na linguagem sensual, “procedimentos preliminares”.

  3. O olhar perdido, totalmente deslocado no ambiente em que ele mesmo banca tudo e todos, faz sentir um pouco de pena deste cidadão. Com todo dinheiro, carro e roupas caras ainda assim, consegue parecer zé mané e ser digno de pena de cidadãos que nem sentem a tal “INVEJA” citada por ele. Meu parceiro você tem dinheiro sim, ok, mas tire o dinheiro e só resta um ser patético.

  4. O jovem engenheiro Alexandre Souza Lima, de 34 anos, caminha pelas ruas do Jardins, bairro nobre de São Paulo, que abriga as lojas mais badaladas da capital paulista, como se fosse o dono do pedaço. Seria ele? : http://www.terra.com.br/istoedinheiro-temp/edicoes/517/artigo58929-1.htm

  5. Tas, a montagem foi feita por nós do baconemtiras.tumblr.com e não pelo “O Joel”. Se puder corrigir, agradecemos.

  6. Tas….o crédito da montagem está para pessoa errada….o original esta pa pg do face..um tal de Fábio (acho q o sobrenome é Sereno)

  7. Inverteram o Caio e o Tiago na imagem do DNA… nas a ideia foi ótima!
    Hahaha!

  8. lourenço quezada júnior 5 de novembro de 2013 at 9:03

    Tas, você postou esta matéria em 04-11 às 14:59 hs. Observe quantos comentários em poucas horas. Um assunto fútil, pouco interessante e que não vai levar a nada. Não critico você (quem sou eu ?) porque percebo que seu estilo alterna temas mais sérios com os mais cômicos. Tudo bem neste “pra não dizer que eu não falei das flores”. Volto a quantidade de comentários deste tema em comparação aos outros. Lembrei do Caetano (ele mesmo !) e da música Tieta : “todo mundo quer saber com quem você se deita, NADA PODE PROSPERAR ! “

  9. Desculpa Tas, mas você falar de coxinha nada mais é do que o sujo falando do mal lavado.

  10. Interessante é ver que o cara bebe e sai dirigindo sua ferrari. Onde estão as autoridades? Se isso não é flagrante, me socorra!

  11. Olha, quem nunca pegou todo o salário e gastou no primeiro fim de semana, só pra levar uma “vida de rico”… quem é que não quer curtir a vida… claro, todo mundo quer. Dinheiro não trás felicidade, mas faz o cartão de crédito “passar”. Não adianta: no Brasil se voce tem grana você é tudo, se não tem, é só mais um.

    Não adianta falar mal do cara… e independente da “orientação sexual”, ele tá certo. Sabe fazer um bom marketing pessoal. Assim como ele, há dezenas de centenas de “anônimos ricos” que lotam seus camarotes.

    O lance é rir com ele, afinal, Cartão Bolsa Família não passa na maquininha de Cartão de Crédito !!!

  12. agora vai aparecer um monte de P.I.M.B.A.S (Pseudo intelectuais metidos a besta e associados) dizendo que o rapaz não tem amigos, que não é casado, que dinheiro não traz felicidade (mas ajuda muito) , etc.

    todo o papo de gente sem merrreca e que vive na ilusão.

  13. O cara tá mais é certo curtindo a vida e quem fala as merd4s de sempre sobre dinheiro não trazer felicidade , etc devia tentar viver vida de pobre para ver se ajuda.

  14. Como dizia meu saudoso pai: um video viral por dia, paz, saúde e alegria!

  15. Como disse Pedro de Lara: “tem gente que é tão pobre, que só tem dinheiro…”

  16. inveja???? o cara faz questão e se esforça de mostrar toda sua boçalidade em redes sociais.. ta na chuva é pra se molhar…

  17. Se eu fosse diretor de um dos bancos para quem ele presta serviço, o chamaria para renegociar o contrato dele, pois esta com margem muito alta, rasgando dinheiro!!!!

  18. como sempre a inveja domina o povo brasileiro com esses comentarios vcs ainda acha q ñ faria pior q esse camarada ai

    • cade aquele homem humilde e educacador do passado e nao uma pessoa vazia que voce virou

    • O fato é que tem gente com tanto dinheiro que, além de agregar ao camarote, também faz coisas interessantes. E nunca acaba o $.

      O cidadão indecente aí só teve a estupidez ou inconsequência de se mostrar. O problema não é ele especificamente.

    • pelamordedeus… eu tenho um cérebro e princípios. Futilidade já nasce com a pessoa sou muito feliz por não ser pobre assim de alma. Com o dinheiro que ele tem eu faria coisas muito mais interessantes.

  19. O Tas,você também faz parte dos coxinhas,não disfarça não !

    kkkkkkkkkkkkkkk

  20. meeee,.,.da feeiuura desse cidadão…pod ser que a ainda pega alguma mulher….Pois o Amor é Real (R$), e ele existe…kakakakakakaka..

  21. Acho que ele precisa de Pantogar!

  22. ONTEM FUI NA BALADA E TOMEI AGUA DA PIA PRA NÃO GASTAR.

  23. De tão surreal e absurdo, já estou achando que esse rei do camarote da balada é mais um viral tipo Chiquinho Scarpa.

  24. Legal ver a Reportagem e no Camarote o cara não ter um amigo dele mesmo!!! Os melhores amigo do cara são os Seguranças que ele precisa pagar tbem..E depois fala q o povo tem inveja..

  25. Pelo que vemos no “shape” do rapaz, o dinheiro pode comprar tudo, menos cabelo. O telhado tá ruim hein?!

  26. Caião + Tiagão= Fanfarrão!

  27. Se a conta bancária dele pudesse ir sozinha na balada , ele seria dispensável !

  28. Nada contra quem é, mas esse cara é meio estranho.
    Não me espanta estar solteiro ainda

  29. O famoso “IN”becíl.

  30. Tas, pois bem, é impressionante mesmo a quantidade de referências que esse “cidadão” é capaz de fornecer a um comediante atento aos detalhes.
    É uma espécia de TONY MANERO upper-class sem os “dance moves” hehe
    Pode facilmente passar-se por um dos “gêmeos idênticos” do SNL:- A Night at the Roxbury… delirantes/unidimensionais filhos de um dono de FLORICULTURA de Beverly Hills.
    Também rende justa homenagem ao “homo demens” de ALPHAVILLE o personagem Marco Gracco do agora global Marcelo ADNET &
    Last but not least VICTOR IGNÁCIO PACHECO <> do mesmo rapaz carioca multifacetado… não dá para passar batido !
    Leva uma “pitada” do Félix “homecare/mal-me-quer” da novela também.
    Abraço CARECA !!
    Sou seu seguidor “não” fanático, só um entusiasta no estilo Charles Manson hehe

  31. O cara gasta 50k em baladas e fala “para mim fazer”… tsc tsc

  32. Inveja de vcs aposto que vcs queriam estar no lugar dele.. curtir assim é pra quem pode nao pra quem quer. O cara mandou bem

    • O cara, põe uma maquininha de cartão na orelha, dizendo que é telefone, sai pagando pra todo mundo. e é esquecido por todos na pista, dançando Harlem Shake(esquisito). E vem falar que é inveja.

  33. é pra isso que o dinheiro serve

  34. Eu queria saber quanto esse empresário “sultão dos camarotes” (risos) pagou pra veja publicar essa matéria.

  35. kkkkkk oloooco meu!! kkkk

  36. Felicidade não se compra!

  37. Valar te falar uma coisa, Marcelinho Tas… Esses caras não tem ‘ vergonha ‘ de aparecer em capa de revista como o ‘ rei da futilidade ‘, não né ??!! O mundo acontecendo e o cara disputando com o camarote ao lado, quem esbanja mais dinheiro, quem rasga mais notas e ri do cidadão que trabalha e paga seus impostos ?? PelamordeDeus… Eu teria vergonha de dar uma volta no quarteirão com um coxinha, carinha de babysauro como esse… Afffff

    • Talvez seja a versão masculina do ‘mulheres ricas’ (era esse o nome?), Ou ‘cê pensa que futilidade só existe no universo feminino? ‘Cê nunca assistiu a uma fogueirinha de vaidades, numa roda de homens?

  38. Nunca vi uma coxinha tão valorizada!

    Estamos falando de uma média de 600 mil / ano.

    Ele trabalhou faz o que desejar com a grana, mas com tudo isso…continua solteiro.

    Obrigado Deus por mostrar que dinheiro não é nada!!! Que só atrai quem tá de olho nele! kkkkk

    • Qto a ter dinheiro e continuar solteiro, são duas coisas que a rigor, nada têm a ver uma com a outra. Afinal um dos homens mais ricos do BR, perdeu a mulher pr’um ‘mero’ bombeiro! e que me conste, nos seus ‘relacionamentos’ que se encerraram, elE pagou INDENIZAÇÃO à ex-ficante!

    • Não concordo com a frase “Ele trabalhou faz o que desejar com a grana”, ele tem cara de ter ficado rico com dinheiro do papai. Caras como esse trabalham muito menos que 99,99% da população, sequer estudou (fica soltando “pra mim fazer”) e vem pagar de fodão. Se dinheiro fosse relacionado a trabalho os operários, que trabalham 12 horas embaixo de sol, deveriam ser muito mais ricos que esse babaquinha.

    • bobagem, se está solteiro é porque quer. Só porqueé rico e gasta tubos na balada não quer dizer que não tenha amigos de verdade.

      O fato é quem diz que dinheiro não é nada (E não acredito que seja tudo) é porque não tem.

      Sempre vejo otas achando que só porque o cara é rico, esbanja, se mostra sem medo na midia o que tem não pode ter pessoas verdadeiras do lado.

      Você entendeu o que quer dizer otas né ?

  39. Prato cheio para os psico-marxista criticarem a imprensa. A Vejinha SP à tempos virou “Caras”. Acho que é matéria paga.

Deixe um Comentário

Aviso aos navegantes: os comentários são parte fundamental de qualquer blog. Eles servem para ampliar, criticar e completar o texto do autor.

No "Blog do Tas", todos os comentários só são publicados DEPOIS de passar por moderação.

NÃO publicamos:

  1. Comentários com palavrões ou agressões gratuitas.
  2. Comentários fora do assunto.
  3. Comentários com auto-propaganda ou propaganda de terceiros.

Se não estiver nas categorias acima, sua opinião será liberada o mais breve possível.

Bem-vindo e obrigado pela participação!

Connect with Facebook

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>